AMCG

Notícias

AMCG reforça campanha de doações para municípios afetados pelas chuvas

Entre as cidades que ainda necessitam de apoio estão Ponta Grossa, Arapoti, Ipiranga, Ivaí, Piraí do Sul, Porto Amazonas e São João do Triunfo

•30/10/2023 14:41

A Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG) ampliou a arrecadação de donativos para as famílias afetadas pelas fortes chuvas que atingiram a região durante o último fim de semana. A população pode encaminhar doações de alimentos, roupas, móveis e produtos de limpeza e higiene pessoal. Os materiais podem ser entregues na sede da AMCG, em Ponta Grossa, na rua Ataúlfo Alves, nº 351, Vila Estrela. Outros pontos de doação podem ser consultados junto às 19 prefeituras associadas.


De acordo com o levantamento realizado nesta segunda-feira (30), as cidades que ainda necessitam de apoio são Ponta Grossa, Arapoti, Ipiranga, Ivaí, Piraí do Sul, Porto Amazonas e São João do Triunfo. A presidente da AMCG e prefeita de Carambeí, Elisangela Pedroso, fez um apelo à comunidade e destacou a importância da união entre os municípios neste momento. A Associação já mantém contato com o Governo do Estado a fim de levantar todos os prejuízos dentro da região.


Ipiranga
De acordo com a Secretaria Municipal de Assistência Social, cerca de 30 famílias de Ipiranga estão desalojadas. Aquelas que não se deslocaram até a casa de parentes e vizinhos receberam abrigo no Ginásio de Esportes. O prefeito Douglas Modesto decretou estado de calamidade pública. “Estamos com diversos pontos de alagamentos, em especial no interior. As equipes da Defesa Civil estão à disposição dos moradores. É o momento de dar as mãos e ajudar”, disse.


Piraí do Sul
O município de Piraí também foi diretamente afetado pelo temporal. Segundo a pasta de Assistência Social, houve 10 pontos de alagamento na cidade, que atingiram cerca de 200 famílias. As pessoas que aceitaram deixar suas residências foram deslocadas até o Asilo São Vicente. O município garante apoio para todas as regiões afetadas. O prefeito Henrique Carneiro utilizou as redes sociais para pedir o apoio dos moradores por meio de doações.


Ivaí
Outro município que está em cenário de alerta é Ivaí. Em pronunciamento nas redes sociais, o prefeito Orli de Cristo detalhou alguns dos problemas enfrentados pela cidade. “É um dia triste. Ainda não temos números para dimencionar os estragos, mas acreditamos que essa tenha sido uma das maiores enchentes da história de Ivaí. Tivemos muitas perdas no setor agrícola, em estradas rurais e muitas outras frentes. Nossa assistência social está dando apoio às famílias. A prefeitura está em alerta e, sempre que o povo precisar, estaremos aqui”, disse.


Arapoti
Em Arapoti, os fortes ventos atingiram um grande número de residências. Um levantamento prévio divulgado pelo setor de assistência social aponta que cerca de 80 famílias foram afetadas de alguma forma pelas chuvas. Por meio das redes sociais, o prefeito Irani Barros destacou que a localidade mais atingida foi a Vila Humaita, com 73 casas comprometidas. O município já deu início à distribuição de materiais de construção e outros donativos para os moradores. A responsável pela pasta, Maria Olívia, reforça a necessidade de doação de móveis, utensílios domésticos, produtos de limpeza e higiene pessoal, entre outros.


Porto Amazonas
Entre as cidades mais afetadas pelas chuvas das últimas semanas, Porto Amazonas também foi alvo do temporal mais recente. Na sexta-feira (27), praticamente todas as famílias que estavam desabrigadas já haviam retornado para suas residências ou se deslocado para abrigos sociais. Porém, com as chuvas do fim de semana, oito famílias voltaram a ficar sem abrigo. Levando em conta os dados da Assistência Social do município, atualizados nesta segunda-feira (30), o número de pessoas afetadas de alguma maneira pelos temporais já chega a 400.


São João do Triunfo
Em São João do Triunfo, as chuvas do fim de semana fizeram com que três famílias deixassem suas residências. De acordo com o município, elas se deslocaram para as casas de parentes. A responsável pela pasta de assistência social do município, Simone Micharki, reforçou que a prioridade do município no momento é a doação de móveis e materiais de limpeza e higiene. O prefeito Abimael do Valle se pronunciou nas redes sociais. “São alagamentos, obstrução de bueiros, pontes e destruições de estradas. A equipe da defesa civil trabalha em um levantamento para novo decreto de emergência, pois as perdas na agricultura já são bem elevadas”, lamentou.


Ponta Grossa
A cidade polo dos Campos Gerais registrou um total de 2,7 mil ocorrências por conta das chuvas no decorrer dos últimos dias, de acordo com o levantamento divulgado pelo município nesta segunda-feira (30). Foram mais de 30 deslizamentos de terra em diferentes regiões. De acordo com a Defesa Civil, até o momento, 06 famílias estão desalojadas e se encontram em casa de parentes. Uma outra família acabou ficando desabrigada e foi encaminhada para um abrigo municipal. Entre as prioridades para doação estão colchões, travesseiros, cobertores, cestas básicas e itens de higiene e limpeza. A prefeita Elizabeth Schmidt se reuniu com representantes da Defesa Civil e de diferentes setores da administração para traçar estratégias emergenciais.


Quem somos:
A Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG) é um órgão de representação municipal e microrregional, sendo constituída sob a forma de sociedade civil, sem fins lucrativos. É composta por 19 municípios da Região dos Campos Gerais, sendo: Arapoti, Carambeí, Castro, Curiúva, Imbaú, Ipiranga, Ivaí, Jaguariaíva, Ortigueira, Palmeira, Piraí do Sul, Porto Amazonas, Ponta Grossa, Reserva, São João do Triunfo, Sengés, Telêmaco Borba, Tibagi e Ventania.

A AMCG tem como principal objetivo a integração regional, econômica e administrativa, buscando o fortalecimento dos municípios, defendendo os seus interesses, visando o desenvolvimento econômico e social.

Fotos: Allyson Santos/AMCG


Galeria de fotos


Compartilhe nas redes sociais: